Reitor da UFU, Valder Steffen Júnior em evento do CINTESP.Br de Lançamento de inovações em tecnologia assistiva

Pesquisador do CINTESP.Br, Sérgio Vieira em entrevista sobre patente do ergômetro para cadeirante

O ranking das melhores Universidades do Mundo 2023 (World University Rankings) é uma das classificações que analisam as melhores Universidades no Mundo. A pesquisa que ranqueou a Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Foram analisadas 2.462 Instituições de Ensino Superior no Mundo e classificadas menos da metade (1.422). A Universidade Federal de Uberlândia aparece entre as 35 Universidades Brasileiras ranqueadas, sendo a 3º de Minas Gerais, considerando apenas Universidades Brasileiras, a UFU aparece em 27º lugar e 1.201 na classificação mundial. A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) foram consideradas as melhores do Estado, na ordem citada.

A World University Rankings é uma seleta e concorrida lista encabeçada pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts, pela Universidade de Cambridge e pela Universidade Stanford e que desperta olhares e competições em todo o mundo para atrair seus alunos. No Brasil, lideram o ranking a Universidade de São Paulo (USP), Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Para classificar a Instituição de Ensino Superior a Quacquarelli Symonds do Reino Unido, autora da pesquisa, considera oito indicadores: citações científicas, reputação acadêmica; reputação entre empregadores; proporção de docente por aluno; proporção de estudantes estrangeiros; corpo docente internacional; rede internacional de pesquisa; e empregabilidade.

Referência Nacional – Contribuição do CINTESP.Br/UFU

Considerando o aspecto da pesquisa, inovação e registros de publicação, o Centro Brasileiro de Referência em Inovações Tecnológicas para Esportes Paralímpicos (CINTESP.Br/UFU), se destaca na Universidade Federal de Uberlândia.

Desde 2019, com financiamentos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e do Ministério Público do Trabalho (MPT/Região Uberlândia), o CINTESP.Br tem sido referência, na UFU, na produção de inovações e geração de patentes, as mais recentes, entregues este ano, foram para um equipamento para prescrição de cadeiras de rodas e outro equipamento, o ergômetro para cadeirantes que pode ser usado em academias e clínicas médicas. (veja matéria completa https://globoplay.globo.com/v/10668204/?s=0s )

Vinculado à UFU o CINTESP.Br, trabalha em forma de Rede Colaborativa, com pesquisadores multidisciplinares envolvendo ainda outras Universidades, Clubes de Serviço, empresas brasileiras e intercâmbios de cooperação internacional em Centros de pesquisa consolidados no mundo como o Laboratório de Engenharia Humana e Pesquisa de Pittsburgh e ao U.S. Department of Veterans Affairs nos EUA. (veja matéria completa https://globoplay.globo.com/v/9823799/  )

Com a alta concentração de pesquisadores e elevado número de pedidos de patentes, o CINTESP.Br passou a ser um dos principais parceiros da Agência de Fomento Intelecto, da UFU. Só em 2019, o CINTESP.Br produziu 14 invenções e que tiveram registros de pedido de patente, mais que o dobro do solicitado em 2018.

Em março deste ano, o Centro de inovações promoveu o Lançamento de inovações em Tecnologia Assistiva (LANCE PcD 2022), evento que oficializou a entrega de 21 produtos de tecnologia assistiva, além de inovações em metodologias e serviços. Um volume inédito no país de equipamentos desenvolvidos e disponibilizados, de uma só vez, por uma Universidade Pública Brasileira. “Nós já conseguimos um grande avanço, basta ver o aumento de registro de patentes e de vermos pesquisadores estimulados retomando projetos para a transferência de tecnologia, como o CINTESP.Br vem fazendo. Agora nosso próximo desafio é estimular o setor empresarial e a criação de startups para termos mais facilidade de promovermos essa transferência de tecnologia para as novas invenções chegarem mais rápido à população”, disse Carlos Henrique de Carvalho Pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UFU, em matéria pelos 15 anos da Agência Intelecto.

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário