Esta é a primeira vez que um pôster separado é selecionado para os Jogos Paraolímpicos.

O pôster que será usado para simbolizar e promover os Jogos Paraolímpicos foi selecionado pelo Comitê Paraolímpico Internacional (IPC). A arte para o cartaz foi criada pela unidade de design gráfico Goo Choki Par e apresentada pelos Organizadores das Paralimpíadas junto com outras 20 propostas que concorriam no processo de seleção.

Esta foi a primeira vez que se dedica um tema exclusivamente para representar os Jogos Paralímpicos.

As Paralimpíadas serão realizadas no Japão de 24 de agosto a 5 de setembro.

 O pôster ficará em exibição no Museu Olímpico do Japão, em Tóquio, até 5 de setembro e a imagem será utilizada em produtos para recordação dos Jogos.

Os primeiros Jogos

Os Jogos Paralímpicos foram criados após a Segunda Grande Guerra, tem origem em Stoke Mandeville, na Inglaterra, mas só foram realizados em 1960 em Roma, na Itália. As primeiras competições esportivas, para deficientes físicos, surgiram como forma de reabilitar militares feridos na Segunda Guerra Mundial.

A idéia partiu do neurologista alemão, de origem judaica, Ludwig Guttmann. Ele observou que, antes da Segunda Guerra, os deficientes eram tidos como pessoas de vidas de curta duração e de má qualidade, não havendo grandes esforços para reabilitar deficientes físicos.

Guttmann iniciou uma forma de mudar essa realidade unindo trabalho e esporte em sua filosofia de tratamento de seus pacientes. As primeiras modalidades foram:  o basquetebol, o tiro com arco, os dardos e o bilhar para auxiliar no tratamento. E com a recuperação de veteranos de guerra ele conseguiu chamar a atenção e motivou cada vez mais a adaptação de esportes e sua prática.

Até que em 1943, o Governo britânico colocou Guttmann para chefiar o Centro Nacional de Traumatismos, em Stoke Mandeville, como parte de um plano de reabilitação de soldados que serviram na Segunda Guerra Mundial. O local ficou conhecido como “Enfermaria X” (Ward X, em inglês) que possuia inicialmente 26 leitos para mutilados de guerra e pacientes paralíticos, e logo, a unidade se tornou o Centro Nacional de Lesões da Coluna, no Hospital de Stoke Mandeville.

Ludwig Guttmann era médico e foi quem colocou a semente para o que viria a ser os Jogos Paralímpicos FOTO: Bettmann/Corbis)

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário